Brees e Ray Lewis durante o Pro Bowl, em fevereiro desse ano

A tradicional festa do futebol americano no Havaí pode estar com os dias contados. De acordo com a ESPN americana, Roger Goodell considera suspender a próxima edição do Pro Bowl, o jogo das estrelas da NFL, programado para ocorrer uma semana antes do Super Bowl 47.

Caso a partida não aconteça, fontes citadas pela reportagem acreditam que seria questão de tempo para o Pro Bowl deixar de existir. No entanto, a NFL iria manter as votações, de forma que os melhores jogadores da temporada sejam identificados e possam negociar valores de contrato com base nisso. Uma cerimônia em homenagem a eles durante a semana do Super Bowl também é cogitada.

LEIA TAMBÉM:
 Conheça curiosidades e histórias do Draft
 Veja o guia do ExtraTime para o Draft da NFL

Insatisfeito com a falta de competitividade do Pro Bowl, Goodell chegou a pedir sugestões aos próprios jogadores de como tornar a partida mais atraente. No começo de janeiro, o quarterback Aaron Rodgers criticou os companheiros de time da NFC e afirmou que a atuação de alguns foi um “papelão”.

“Vou ser honesto com você, fiquei desapontado. Senti que alguns caras fizeram um papelão. Deveria ter algum tipo de orgulho envolvido em um jogo como esse”, disse o jogador do Green Bay Packers na época. Rodgers sugeriu aumentar a premiação em dinheiro para incentivas a disputa entre AFC e NFC.